Polícia civil prende estelionatário tentando abrir conta com documento falso no banco do Brasil em Assú

Polícia civil prende estelionatário tentando abrir conta com documento falso no banco do Brasil em Assú

Um homem foi preso por um policial civil na manhã desta segunda-feira 22 de Março de 2021, em uma agência bancária na cidade de Assú, no Oeste do Rio Grande do Norte.

A prisão aconteceu após o acionamento de funcionários da agência para com a polícia civil que foi até o local, e abordou o suspeito, chamando-o para conversar. Durante o diálogo, o suspeito identificado oficialmente como Sebastião Marcos Cavalcante de Melo, de 42 anos, natural da Paraíba, confessou que estava na agência para abrir uma conta com documentos falsos para cometer crimes de estelionato.

focoelho

Sebastião que foi preso pelo mesmo crime no dia 25/01/2018, estava portando um RG falso, em nome de um homem de outro Estado, o mesmo disse ser da Paraíba e veio para Assú, onde tentou abrir uma conta bancária para aplicar golpes, mas que a casa caiu. Ele ainda disse que não abriu a conta na Paraíba porquê todos conhecem e era difícil abrir naquela região com os falsos documentos.

Segundo o agente Amauri, o homem vai ser encaminhado ao sistema prisional de Mossoró, onde ficará a disposição da justiça após o cometimento do crime. Um outro detalhe, é que Sebastião já tinha uma lista dos alvos que iriam ser cometido ao crime. Extratos de R$ 350 mil foram encontrados no aparelho celular do suspeito, que provavelmente seriam alvo do suspeito.

Certamente, Sebastião iria usar a conta em nome de outras pessoas, para ser usada em depósito ou transferência de crimes. O agente Amauri, explicou que um dos golpes é o do falso sequestro, quando o suspeito liga para alguma vítima, se passa por sequestrador, e que está com familiar em cativeiro, e para ser libertado, é preciso o pagamento de algum valor, sendo que, na verdade, o criminoso não está com ninguém sob cativeiro.

Fonte: Focoelho

COMPARTILHE ESSA MATÉRIA COM ALGUÉM:
  • 8
  •  
  •  
  •  

Jarlino Alves

Redator e Jornalista WhatsApp: 84 9 8730-7879

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *