São Rafael Notícias

A informação em tempo real – Sâo Rafael RN

Política Rio Grande do Norte

Conheça os representantes eleitos no Rio Grande do Norte

Fátima Bezerra (PT) é reeleita governadora do Rio Grande do Norte

As eleitoras e os eleitores potiguares reelegeram a candidata petista, Fátima Bezerra, governadora do Rio Grande do Norte. Às 20h41, com 95,23% das urnas apuradas, a atual chefe do Executivo estadual foi considerada matematicamente eleita, com 1.012.071 votos (58,20% do total de votos válidos naquele momento).

Fábio Dantas (Solidariedade) ficou com 22,26% e Capitão Styvenson (Podemos) com 16,92%. 81,85% do eleitorado compareceu às urnas neste domingo (2). O total de votos em branco foi de 90.718 (4,57%), e os votos nulos contabilizaram 153.454 (7,74%).

Atual governadora reeleita do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, 67 anos, é natural de Nova Palmeira (PB). Formada em pedagogia, Bezerra foi professora da rede pública de ensino municipal de Natal (RN). Foi eleita deputada federal em 2006 e reeleita em 2010. Em 2014, foi senadora, mas deixou o cargo ao vencer a disputa pelo governo potiguar em 2018. Concorreu novamente ao cargo pela coligação O Melhor Vai Começar! (Federação Brasil da Esperança – FE Brasil/PDT/MDB/Pros/Republicanos). Seu vice é Walter Alves (PT).

Deputados estaduais eleitos em 2022:

O ex-policial militar Wendel Fagner Cortez de Almeida (PL), de 45 anos, foi o deputado estadual mais votado do Rio Grande do Norte. Com 99,97% das urnas apuradas, ele teve 88.262 votos, quase 20 mil a mais que Ezequiel de Souza que foi o segundo mais votado.

  1. Wendel Lagartixa (PL) – 88.265 votos (4,69% dos votos válidos)
  2. Ezequiel Ferreira (PSDB) – 70.800 votos (3,76% dos votos válidos)
  3. Coronel Azevedo (PL) – 62.607 votos (3,33% dos votos válidos)
  4. Kleber Rodrigues (PSDB) – 61.074 votos (3,24% dos votos válidos)
  5. Adjuto Dias (MDB) – 57.657 votos (3,06% dos votos válidos)
  6. Isolda Dantas (PT) – 57.046 votos (3,03% dos votos válidos)
  7. Dr. Bernardo Amorim (PSDB) – 52.505 votos (2,79% dos votos válidos)
  8. Divaneide (PT) – 52.177 votos (2,77% dos votos válidos)
  9. Francisco do PT (PT) – 50.499 votos (2,68% dos votos válidos)
  10. George Soares (PV) – 50.037 votos (2,66% dos votos válidos)
  11. José Dias (PSDB) – 49.027 votos (2,60% dos votos válidos)
  12. Dr. Keginaldo Jacome (PSDB) – 47.809 votos (2,54% dos votos válidos)
  13. Gustavo Carvalho (PSDB) – 46.318 votos (2,46% dos votos válidos)
  14. Tomba Farias (PSDB) – 42.612 votos (2,26% dos votos válidos)
  15. Cristiane Dantas (SD) – 42.035 votos (2,23% dos votos válidos)
  16. Nelter Queiroz (PSDB) – 38.602 votos (2,05% dos votos válidos)
  17. Galeno Torquato (PSDB) – 37.274 votos (1,98% dos votos válidos)
  18. Eudiane Macedo (PV) – 36.027 votos (1,91% dos votos válidos)
  19. Luiz Eduardo (SD) – 31.871 votos (1,69% dos votos válidos)
  20. Terezinha Maia (PL) – 29.440 votos (1,56% dos votos válidos)
  21. Hermano Morais (PV) – 28.948 votos (1,54% dos votos válidos)
  22. Ivanilson Oliveira (União) – 27.426 votos (1,46% dos votos válidos)
  23. Taveira Jr (União) – 26.714 votos (1,42% dos votos válidos)
  24. Neilton (PL) – 25.143 votos (1,34% dos votos válido

Deputados federais eleitos pelo Rio Grande do Norte em 2022

Os eleitores do Rio Grande do Norte definiram neste domingo (2) os oito representantes do estado na Câmara dos Deputados. Quatro deles garantiram a reeleição e os outros quatro são novatos.

Natália Bonavides (PT) foi a mais votada, com 157.565 votos, seguida por João Maia (PL), com 104.254 votos.

O PL elegeu quatro dos oito deputados do Rio Grande do Norte. O PT e o União Brasil ficaram com duas vagas, cada.

Confira abaixo o resultado com 100% das urnas apuradas:

Deputados federais do RN eleitos em 2022

  • Natália Bonavides (PT) – 157.565 votos (8,42%)
  • João Maia (PL) – 104.254 votos (5,57%)
  • Benes Leocádio (União Brasil) – 100.693 votos (5,38%)
  • Robinson Faria (PL) – 97.319 votos (5,20%)
  • Mineiro (PT) – 83.481 votos (4,46%)
  • Paulinho Freire (União Brasil) – 77.906 votos (4,17%)
  • General Girão (PL) – 76.698 votos (4,10%)
  • Sargento Gonçalves (PL) – 56.315 votos (3,01%)

O candidato Rogério Marinho (PL) foi eleito senador da República pelo estado do Rio Grande do Norte nas eleições 2022.

Ele obteve 41,87% dos votos válidos e superou Carlos Eduardo (PDT) e Rafael Motta (PSB), que foram escolhidos por 33,40% e 22,74% dos eleitores, respectivamente.

Presidente:

Dos 167 municípios do Estado potiguar, Lula só teve menos votos que Jair Bolsonaro em apenas uma cidade: Parnamirim. A diferença entre os dois oponentes foi de 5.446 votos. Bolsonaro saiu das urnas com 48,69% (53.530 votos) contra 43,74% de Lula, votado por 48.084 eleitores.

Lula e Bolsonaro disputarão o segundo turno em 30 de outubro

Na votação deste domingo (2), os candidatos Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL) chegaram à frente na corrida presidencial, mas não conseguiram o número de votos necessários para encerrar a escolha e terão que disputar um segundo turno.

Com 99,99% das urnas apuradas até o início da manhã desta segunda-feira (3), Lula obteve 57.257.473 votos, o equivalente a 48,43% dos votos válidos. O atual presidente Bolsonaro alcançou 51.071.106 votos (43,20%).

Os votos válidos no primeiro turno alcançaram 118.226.172 (95,59%). Foram registrados 1.964.761 votos em branco (1,59%) e 3.487.835 votos nulos (2,82%). A abstenção chegou a 20,95%.

Jair Messias Bolsonaro, 67 anos, tenta permanecer no cargo após ter sido eleito presidente em 2018. Natural de Campinas (SP), é capitão reformado do Exército. Começou sua carreira política no Rio de Janeiro (RJ), em 1989, quando foi eleito vereador. Foi deputado federal por sete mandatos consecutivos, de 1991 e 2018 — ano em que se candidatou a presidente da República. Elegeu-se pelo PSL, mas atualmente está no PL. 

Luiz Inácio Lula da Silva, 76 anos, nasceu em Garanhuns (PE). Aos sete anos, migrou com a família para Santos (SP). Trabalhou em indústrias de metalurgia e foi presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo e Diadema. Liderou greves na região do ABC paulista e, em 1980, participou da fundação do Partido dos Trabalhadores (PT).

COMPARTILHE ESSA MATÉRIA COM ALGUÉM:
  • 14
  •  
  •  
  •  

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *