dti là gì tổng đài vib bank trusting social vietnam الخيارات الثنائية حلال ام حرام cầm bằng lái xe máy onlineshinhan vib ngan hang

São Rafael Notícias

A informação em tempo real – Sâo Rafael RN

Rio Grande do Norte

RN inicia vacinação de gestantes/puérperas de 12 a 17 anos nesta sexta (03)

O Rio Grande do Norte inicia nesta sexta-feira (3) a vacinação contra a Covid de crianças e adolescentes de 12 a 17 anos. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) ontem (30).

De acordo com o órgão, assim como aconteceu com a população adulta, a imunização começará pelos grupos prioritários.

Inicialmente, serão vacinadas gestantes de 12 a 17 anos e, em seguida, os demais grupos.
“Iremos começar pelas gestantes e puérperas para dar continuidade à vacinação. A ampliação de público será permitida nos municípios que completarem 90% da vacinação da população adulta”, disse Kelly Lima, coordenadora de Vigilância em Saúde da Sesap.

A médica e bióloga Selma Jerônimo reforça que o grupo de crianças e adolescentes terá um papel crucial para que o RN atinja mais rapidamente a imunidade coletiva, que deverá ser alcançada quando 75% da população estiver vacinada com as duas doses. Hoje este índice é de 32% no Estado. “Essa faixa mais jovem tem uma importância muito grande para isso. Esse grupo tem a oportunidade de se vacinar e contribuir com isso, da mesma forma que cada pessoa vacinada, cada pessoa protegida, tem uma chance menor de se contaminar. Não é uma blindagem, mas a chance de adoecimento grave diminui bastante”, acrescenta Jerônimo, que também é diretora do Instituto de Medicina Tropical da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (IMT/UFRN).

Variante Delta

O Rio Grande do Norte tem três casos confirmados da variante Delta, dois deles são familiares, que não tomaram nenhuma dose da vacina anti-covid. Já o terceiro foi detectado em um paciente com apenas uma dose do imunizante da AstraZeneca, no entanto ele já recebeu alta hospitalar.

Outras 192 amostras estão sob investigação no Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Lacen/RN) para possível diagnóstico de todas as variantes: Alfa (antiga B.1.1.7, identificada no Reino Unido); Beta (antiga B.1.351, identificada na África do Sul); Gama (antiga P.1, identificada no Brasil, em Manaus); e a Delta (B.1.617.2, identificada na Índia).

Atualmente, o Estado está aplicando doses na população geral com mais de 18 anos em todos os 167 municípios potiguares. A preocupação das autoridades sanitárias se justifica pela confirmação da transmissão comunitária — quando não é possível rastrear a origem do contágio — da variante Delta em Natal.

De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças, do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos (CDC na sigla em inglês), a variante é quase tão transmissível quanto a catapora: uma pessoa contaminada pode infectar até outras nove em média.

COMPARTILHE ESSA MATÉRIA COM ALGUÉM:
  • 48
  •  
  •  
  •  

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *